Wilson Cano em foto de 2014; economista faleceu na sexta-feira, 3 de abril, aos 83 anos — Foto: Antoninho Perri/Unicamp

O Corecon-MG lamenta profundamente o falecimento do economista Wilson Cano, ocorrido nesta sexta-feira, dia 3 de abril, e se solidariza com o luto de seus amigos e familiares.

Graduado em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e doutor pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) na mesma área, Wilson foi um dos criadores do Instituto de Economia da Unicamp, do qual foi professor chefe entre 1975 e 1976. Além disso, foi membro vitalício do conselho curador da Fundação Economia de Campinas (Fecamp), consultor da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e pesquisador emérito do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Em 2017, esteve em Minas Gerais participando do XXII Congresso Brasileiro de Economia (CBE), organizado pelo Corecon-MG.

O economista deixa um enorme legado em termos de produção acadêmica, tendo publicado uma série de livros sobre economia, com destaque para análises do desenvolvimento econômico brasileiro e da economia latino-americana e regional. Entre as suas principais obras, encontram-se Introdução à economia: uma abordagem crítica (1988) e Ensaios sobre a formação econômica regional do Brasil. Recentemente, lançou um site com seu acervo, que pode ser acessado aqui.

Corecon-MG lamenta falecimento do economista Wilson Cano
Tags:                 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *